sábado, 22 de abril de 2017

rua da união

Poema de Jean Silveira


rua da união. cada
quadrado pro seu lado.
de súbito, nada mais 
que a suave mari magno
e o risco vermelho na noite.
sessão às 20 horas.

Nenhum comentário :

Postar um comentário